Etiquetas

,

Olá, boa tarde!

Hoje vou falar sobre um tema que encontro muitas vezes em consulta e ainda é um assunto tabu: flatulência.

Esta patologia resulta do excesso de gás ao longo do trato gastrointestinal que é proveniente de diversas fontes, entre as quais: ar deglutido; Produção de gás através das bactérias presentes no trato gastrointestinal e por último da difusão a partir do sangue, entre outras razões.

Para solucionar esta situação da melhor maneira, devemos primeiro procurar alterar hábitos alimentares e só depois actuar ao nível da terapêutica medicamentosa. Deste modo devemos evitar alguns alimentos que estão associados à produção de gás através do seu metabolimo, principalmente os ricos em rafinose e fibras solúveis. Portanto ora vejamos alguns exemplos:

  • Bebidas carbonatadas – sumos e cerveja
  • Legumes e leguminosas –feijão, grão, ervilhas e lentilhas
  • Vegetais – brócolos, couve-flor, couve ou repolho e espargos
  • Fruta –maçã, pêra (principalmente com casca)
  • Hidratos de carbono –batatas, pão, massa, milho, trigo e aveia
  • Produtos lácteos (casos de intolerância à lactose)

Recomendações

  1. Ingerir os alimentos devagar, mastigando bem com a boca fechada.
  2. Atividade fisica pelo menos 30 min todos os dias
  3. Comer de 3h em 3h e pouco de cada vez
  4. Beber 1,5L de água ou chá todos os dias
  5. Ingerir leguminosas de preferencial ao almoço
  6. Cozer a fruta sem casca (maçã e pêra)

E não se esqueçam através de uma alimentação equilibrada e saudável conseguimos tratar inúmeros problemas de saúde sem recurso aos medicamentos!

 

 1962780_639682212772372_1471180755_n

 

Alguma dúvida, podem enviar e-mail para ana.aniceto.nutrcionista@gmail.com

Beijinho

Ana Aniceto

Nutricionista

Anúncios